segunda-feira, julho 20

Visão feminina...


Todos nós enquanto seres humanos de determinado sexo temos curiosidade em tentar perceber como pensa e reage o sexo oposto em todas as vicissitudes da vida. Logo à partida se avizinha uma tarefa difícil tentar perceber o sexo feminino, uma vez que apesar de serem todas mulheres, pensam e reagem de maneira diferente. Não gosto de generalizar este tipo pensamento em grandes grupos, correndo muitas vezes o risco de sermos pouco precisos ou incoerentes.

Quando pensamos no sexo feminino, e enquanto homem, aquilo que me invade logo o pensamento, é o caminho ou os caminhos que levam as mulheres a interessarem-se pelos homens, e o contrário também obviamente. As mulheres terão gostos e comportamentos muitos distintos, mas haverá com toda a certeza situações transvessais a todo o universo feminino.

Portanto, e vontando aos interesse feminino nos homens, a questão que se levanta é será apenas uma questão relacionada com a parte física, ou por seu lado, serão os comportamentos e a comunhão de gostos e interesses que comandam essa espécie de impulso? Obviamente que a maioria pensará que é um pouco de ambas, e dirá que o primeiro interesse é físico e depois vem o resto, mas a verdade é que não existe uma teoria exacta quando se fala deste tipo de coisas.

Uma coisa esta provado e enriquece este nosso mundo, que é o facto de todos termos gostos diferentes, mesmo quando toca ao amor ou às relações. Será bastante mais interessante podermos pensar que no nosso quotidiano poderão existir pessoas a pensar e a gostar de maneira diferente. O que na realidade as mulheres procurarão num homem?

A pergunta que se assume de resposta básica, poderá não ser tão evidente quando pensarmos que hoje em dias as mulheres assumiram um papel de afirmação tal, que muitas vezes caem no vulgarismo e no lugar comum. Obviamente sei que há excepções, e ainda bem, falo apenas em traços muito gerais, com a margem de erro inerente que já indiquei atrás. Penso que as mulheres sofreram mutações com o passar dos tempos, e a maneira de pensar, e aquilo que viam nos homens foi também consequentemente alterado.

Será que um dia vamos conseguir entender as mulheres?

5 comentários:

Anónimo disse...

Um tema repleto de controvérsia e com uma questão final que suscita inúmeras respostas!!!
Sendo assim, questiono se primariamente antes de entenderem as mulheres, nós seres humanos na globalidade, dotados de racionalidade, somos capazes de entender a nós próprios???
A vida é uma constante de mudanças e a capacidade de compreensão pelo desconhecido, é para poucos, um simples treino que leva à perfeição...............
Será que um dia chegaremos à perfeição?????

rui reis disse...

O que dirão os nossos amigos que habitaram esta Terra há milhares e milhares de anos atrás? Vamos perguntar a um dinossauro se conseguia entender as dinossauras? Vamos falar com eles sobre mudança? A Mudança é uma das poucas certezas que existe na vida! Essa, tal como a outra certeza (que nunca iremos compreender as mulheres!)!!!

BEE disse...

Hummmm...
E nós, mulheres? Será que algum dia iremos compreender os homens? :p
***

scorpia disse...

:s
A mim parece-me mais uma discussão tipo "sexo dos anjos" ou "ovo e galinha".
Na verdade, tudo o que foi dito até aqui está certo. Qualquer que seja a opinião, é adequada, porque realmente todas as pessoas são diferentes. Homens ou mulheres, somos todos diferentes e cada um tem o seu feitio...
Achei piada à questão "camuflada" deste post (a meu ver): o que leva mulheres a interessarem-se por determinados homens... Hahá!
Como gaja, posso afirmar...que não faço a mínima! Físico, gostos, interesses...tudo conta e nada conta. Às vezes interessamo-nos por alguém que consideramos o nosso oposto em quase tudo...como explicamos? Não sei...mas se alguém descobrir, por favor, partilhe com esta grande audiência...

Anónimo disse...

As mulheres Renato, não são todas iguais.

Viva a diferença, caso contrário seria complicado...haja gostos para tudo!

A mim, fascina-me a timidez, a pureza interior, os valores.

Odeio arrogantes. Admiro o oposto. A arrogância anula qq beleza.

Parece que não é o teu caso;)